7 Cantos do Mundo

11 atrações gratuitas na Cidade do Cabo

Destinos turísticos são chamariz para pacotes de férias ou finais de semana e também para se perder gastando dinheiro.

Infelizmente, em algumas cidades se aproveitam para poder cobrar o quanto puderem por qualquer tipo de atração e nossa missão quanto amantes de viagens e aventuras é procurar por atrações gratuitas ou baratas.

Fatores que interferem na quantidade de atrações gratuitas

Porte da cidade

Quanto menor a cidade, mais restrita são as atividades no local e menor a chance de encontrar algo totalmente gratuito.

A vantagem é conseguir encontrar algo mais barato e ter até a chance de pechinchar (quem sabe?)

Estrutura para o turismo

Para receber visitantes, uma cidade ou um destino pode receber auxílio do governo e por isso algumas atrações acabam sendo subsidiadas e favorecidas.
Os famosos “Free Walking Tour” são um exemplo vivo disso. Em São Paulo, por exemplo, há uma estrutura na Praça da República, com flyers, um site estruturado e muito informativo mostrando como são realizadas as caminhadas do tour.

Tipo de viagem

Pense no Jalapão ou a Chapada Diamantina. Eles são basicamente natureza e muito chão de terra. Para manter as estradas melhores e a natureza mais intacta e para ter esse tipo de experiência, o viajante acaba pagando pelo preço.
Alguns destinos valem a pena o preço seja pela experiência única, pelo lugar e por reforçar a manutenção dos futuros visitantes.

O turismo sustenta grande parte de muitos destinos e justamente os mais exóticos, de difícil manutenção são os que menos oferecem atrações baratas.
Isso tudo tem justificativa, claro. Locais urbanos tem maiores chances de oferecer algo barato ou gratuito.

Agora vamos ao que interessa!

Atrações gratuitas para curtir a Cidade do Cabo

1. Free walking tour

Diariamente, com uma frequência de 2-3 vezes ao dia saem grupos de caminhadas afim de conhecer uma parte da cidade (histórica e culturalmente). É uma atividade conhecida ao redor do mundo já que muitas cidades oferecem Free Walking Tour.

Na Cidade do Cabo o ponto de encontro é o “Green Market Square” (esquina das ruas Shortmarket e Burg) e em frente do Aquário no “Victoria & Alfred Waterfront”. Não é preciso reservas e nem pagar pelo tour. Uma gorjeta é gentilmente pedida no final da caminhada como gesto de gratidão.

1.Tour histórico
2.Bo-Kaap
3.Distrito Seis
4.V&A Waterfront tour

Para horários e outras informações acesse:

Facebook
Twitter
Instagram
TripAdvisor
Google+

PS: há “Free Walking Tours” também na cidade de Joanesburgo.

2. Waterfront

Victoria & Alfred Waterfront, esse porto foi inaugurado por volta de 1970 mas só por volta de 1988 que ele foi reestruturado para receber o público. Do local você consegue ver a Table Mountain, admirar o mar.

O Waterfront abriga restaurantes, lojas diversas (roupas, artesanato, etc.), museus, shoppings, artistas de rua, uma roda gigante e muita coisa pra fazer e ver.

Veja algumas delas:

  • Aquário Two Ocean – Two Oceans Aquarium
  • Torre do Relógio – Clock Tower
  • A roda da excelência – The Wheel of Excellence
  • Museu da Bateria Chavonnes – The Chavonnes Battery Museum
  • Quarteirão do Nobel – Nobel Square
  • Shimansky Diamond Tour – Museu do Diamante – Shimansky
  • Passeios de barco
3. Green Market Square

Esse é uma feirinha bem conhecida que está situada no centro da cidade. Antigamente era onde escravos, vegetais e frutas eram comercializado, depois foi um estacionamento e hoje é o Famoso Mercado Green Market.

Conhecida como Green Market Square pois ocupa um quarteirão inteiro entre prédios e comércio, você pode visitá-la todos os dias da semana e encontrar souveniers a um preço acessível.

Horário de funcionamento: segunda a sábado das 9h00 às 16h00.

4. Green Point

Ótimo para passear de dia e de noite, é o reduto de cafés, restaurantes, lojas, pubs. A área verde (responsável pelo nome) é imensa e dá para gastar horas fácil passeando por lá, caminhando ou relaxando.

Tem uma enorme diversidade de coisas a se fazer e ver como:

  • Light house – farol
  • Biodiversity Garden – Jardim de biodiversidade
  • Cape Medical Museum
  • Metropolitan Golf Club
  • Green Point Stadium – Estádio de Green Point
  • Green Point Urban Park – Parque urbano de Green Point
  • Anatoli Turkish restaurant – restaurante Turco Anatoli
  • Cafe Extrablatt
5. Green Point Market

Outra feira indispensável para conhecer quando estiver perto do Green Point ou do Estádio de futebol (aquele da Copa, sabe?).

Horário de funcionamento: domingo das 8h00 às 17h00.

6. Sea Point

Um bairro da Cidade do Cabo e perto do Green Point que abriga cafeterias, restaurantes, supermercados, clubes. Abriga o Sea Point Promenade, que fica beirando a praia e você pode caminhar, correr, andar de bicicleta (é possível alugar por lá), passar com o cachorro e com a família.

7. Long Street

Para quem vem à Cidade do Cabo, essa é uma visita obrigatória. A Long Street concentra um misto de cafeterias, lojas de artesanato, hostels, beer houses e restaurantes. É mais agitada durante a noite, mas é muito visitada também durante o dia.

8. Milnerton Flea Market

Um famoso mercado de pulgas da Cidade do Cabo. Os preços são tentadores e bem abaixo do restante da cidade. Lá é possível pechinchar abaixo do preço apresentado e se tiver sorte, o vendedor aceitará. Você encontrará produtos novos e usados, antigos e atuais, a uma diversidade grande de comidas.

O Flea Market funciona de sábado e domingo nos seguintes horários:

  • Sábado das 8h00 às 14h00
  • Domingo das 8h00 às 15h00
  • Feriados das 8h00 às 14h00 (exceto Natal e Sexta-feira Santa)

*Estacionamento no local.

9. Lagoon Beach

Basicamente ao lado do Flea Market, há a Lagoon Beach que fica em Milnerton. É uma praia que contém um lago na parte interior. De água azul e não muito gelada, é ótimo para caminhar, brincar com o cachorro, tomar um sorvete e relaxar.

10. Camps Bay

Outro bairro magnífico da Cidade do Cabo com praias de água azulzinha, cafés, sorveterias, restaurantes, cafeterias.
Aqui as pessoas geralmente se divertem dentro da água ou passeando pelas piscinas que se formam ao longo da costa.

Se você gosta de praias aqui é um bom lugar para se visitar e passar umas horas!

11. Hout bay

Não muito longe do centro da cidade está um vilarejo de pescadores. Um pouco isolada (há apenas 3 vias de acesso), ela apresenta beleza do interior.

Aqui, você pode:

  • pedalar
  • fazer trilhas
  • pescar
  • praticar esportes aquáticos
  • fazer passeios de barco

E vai encontrar também várias outras atrações:

  • Orangekloof forest
  • Suikerbossie pass
  • World of birds

Algumas atrações citadas acima não são gratuitas. Eu resolvi colocá-las na lista para enriquecer a experiência de quem está montando roteiro ou pesquisando sobre o destino.

Até a próxima!

Carina.

 Siga o meu blog nas redes sociais!

instagram

 Comece a planejar sua viagem agora mesmo!

Reservando com os nossos parceiros, você não paga nada a mais por isso, e ajuda um pouquinho o blog 🙂

Temos parceiros para hospedagem, seguro viagem, aluguel de carro e agência de viagens, ecoturismo e bem estar, com roteiros prontos ou personalizados.

Veja AQUI.

 Achou este post bacana? Curta, comente, compartilhe!

Sobre a autora Ver todos os posts Site da autora

Carina Takahama

Farmacêutica e viajante. Ama cultura, pessoas, lugares exóticos e aventuras. Publica para os blogs Mundo viajável e Pausa Produtiva e quer fazer a diferença nesse mundão lindo!

Comente! :)

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *